Candidaturas ao Prémio Cooperação e Solidariedade António Sérgio 2017 abertas até 30 de junho

16/06/2017

 

Já está a decorrer a 6.ª edição do Prémio Cooperação e Solidariedade António Sérgio, promovido pela Cooperativa António Sérgio para a Economia Social (CASES).

Criado em 2012 pela CASES, o Prémio destina-se a homenagear as pessoas singulares e coletivas que, em cada ano, mais se tenham distinguido no setor da Economia Social.

O Prémio será atribuído no âmbito das seguintes categorias:

 

  • Inovação e Sustentabilidade (em parceria com a Iniciativa Portugal Inovação Social): visando premiar organizações da Economia Social que se tenham distinguido pelo desenvolvimento de projetos com abordagens e soluções inovadoras e sustentáveis para uma questão socioeconómica (ou ambiental).
  • Estudos e Investigação: visando premiar pessoas e entidades autoras de estudos e trabalhos de investigação no âmbito da Economia Social, designadamente trabalhos sobre cooperativas, mutualidades, fundações, associações, misericórdias e IPSS ou trabalhos transversais dentro do setor da Economia Social.
  • Formação Pós-graduada: visando premiar instituições de ensino superior que se tenham distinguido pela qualidade da sua oferta formativa de nível pós-graduado (incluindo especializações, pós-graduações, mestrados e doutoramentos) no âmbito da Economia Social.
  • Trabalhos de Âmbito escolar: visando premiar trabalhos da comunidade escolar, ao nível do primeiro, segundo e terceiro ciclos do ensino básico, ensino secundário e profissional, que envolvam alunos e professores na vivência e difusão de teorias e práticas de Economia Social.

A cada uma destas quatro categorias corresponde um prémio de 3.000€. Para as categorias de Inovação e Sustentabilidade e de Trabalhos de Âmbito Escolar é também atribuído aos/às vencedores/as a frequência de módulos de formação financeira, de acordo com o Protocolo celebrado entre a CASES e o Conselho Nacional de Supervisores Financeiros.

Por último, o Prémio Especial Personalidade da Economia Social (ao qual não corresponde valor pecuniário, sendo meramente honorífico) que pretende homenagear uma personalidade que se tenha distinguido na área da Economia Social ou contribuído significativamente para o seu reconhecimento ou desenvolvimento públicos.

Consulte o Regulamento e participe até 30 de junho.

Mais informações disponíveis no Site da CASES em www.cases.pt.

 

 

Fonte: IEFP/CASES