Lançado o Boletim de Vacinas Eletrónico com apoio COMPETE 2020

29/06/2018

Promovido pelo SPMS - Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, com o apoio do Programa Operacional COMPETE 2020, foi lançado o Boletim de Vacinas Eletrónico.

O projeto de desmaterialização do Boletim de Vacinas veio simplificar processos, reduzir custos, melhorar a qualidade da informação e, deste modo, aumentar a proximidade do Serviço Nacional de Saúde ao cidadão, potencializando os ganhos em saúde.

Integrado no Simplex+ Iniciativas Digitais da Saúde, o Boletim de Vacinas Eletrónico apresenta mais-valias, quer para o cidadão, quer para os profissionais de saúde, prestadores de serviços e para o Serviço Nacional de Saúde (SNS) em geral”, afirma Henrique Martins, Presidente do Conselho de Administração da SPMS.

Com benefícios claros para o cidadão, o Boletim de Vacinas Eletrónico permite uma maior acessibilidade à informação sobre as vacinas, futuras e administradas, ou seja, agiliza a consulta do histórico de vacinação, sem riscos de perda, ou extravio da informação, como acontecia com o boletim em papel.

De uma forma prática e muito fácil, o cidadão pode consultar o seu Boletim de Vacinas através do Registo de Saúde Eletrónico - Área do Cidadão do Portal SNS, plataforma online com funcionalidades e serviços disponíveis aos utentes do Serviço Nacional de Saúde, sendo necessário, apenas, um registo prévio. 

Pela Área do Cidadão é possível, igualmente, partilhar o Boletim de Vacinas, bem como os boletins dos filhos, via email, simplificando procedimentos, por exemplo, nas matrículas escolares.

Numa perspetiva de melhorar a acessibilidade, a mobilidade e, assim, aproximar ainda mais o SNS ao cidadão, o Boletim de Vacinas Eletrónico está à distância de um simples clique no computador ou no telemóvel.

O projeto conta com o apoio do COMPETE 2020 no âmbito do Sistema de Apoio da Modernização Administrativa (SAMA), envolvendo um investimento elegível de 292 mil euros, o que resultou num incentivo FEDER de 248 mil euros.

 

Fonte: Compete 2020