Portugal Inovação Social celebra o Dia da Europa com o espetáculo 'A Viagem'

08/05/2019

Inspirada nas palavras de Sophia de Mello Breyner Andresen e encenada por Joana Providência, A Viagem é uma peça criada no âmbito do projeto À Barca do Teatro do Bolhão, apoiado pela Iniciativa Portugal Inovação Social.

A Viagem vai ser apresentada numa sessão aberta ao público no Dia da Europa - 9 de maio, às 15h, na sede do Agrupamento de Escolas Infante Dom Henrique, na cidade do Porto, em resultado de uma parceria com o PO CH - Programa Operacional Capital Humano.

Esta apresentação insere-se na iniciativa Europa na minha Região, um programa europeu de “Portas Abertas” que tem por objetivo dar a conhecer ao grande público, ao longo de todo o mês de maio, alguns dos projetos que estão a ser financiados pela União Europeia em todos os Estados-membros.

Este projeto inovador pretende, através do teatro e da “escola do teatro”, ou seja, das suas práticas, estratégias e metodologias de trabalho, promover e desenvolver, nas escolas da Área Metropolitana do Porto, o domínio da leitura, da comunicação oral e da escrita da língua portuguesa, combatendo desta forma a desmotivação, o insucesso escolar e os ainda altos índices de abandono escolar.

À Barca é um dos 218 projetos apoiados até à data pela Portugal Inovação Social, sendo este projeto em particular financiado através do PO CH, no quadro do Portugal 2020.

O projeto apresentou uma candidatura ao instrumento de financiamento Parcerias para o Impacto, que se destina a financiar o desenvolvimento ou expansão de projetos que promovam ideias inovadoras para áreas fundamentais da nossa sociedade como o emprego, a educação, a justiça, a saúde ou a inclusão social.

Os projetos apoiados ao abrigo deste instrumento são financiados a 70% por fundos públicos, sendo os restantes 30% assegurados por investidores sociais, quer públicos quer privados.

No caso do À Barca, o projeto vai receber, ao longo de três anos, 325 909,95 € de financiamento público (70%), sendo que os investidores sociais serão os 17 municípios da Área Metropolitana do Porto (Matosinhos, Vila Nova de Gaia, Porto, Vila do Conde, Trofa, Gondomar, Santa Maria da Feira, São João da Madeira, Valongo, Paredes, Arouca, Espinho, Santo Tirso, Vale de Cambra, Maia, Póvoa de Varzim e Oliveira de Azeméis), e assegurarão os 139 675, 70 € restantes (30%), totalizando 465 585, 65 € de financiamento.

 

Fonte: Portugal Inovação Social