UE quer mais Energias Renováveis e melhor Eficiência Energética

07/11/2018

O Parlamento Europeu prepara-se para aprovar os novos objetivos da União Europeia (UE), a fim de aumentar a utilização de Energias Renováveis e melhorar a Eficiência Energética.

De acordo com as novas regras acordadas pelo Parlamento e pelos Estados-Membros, pelo menos 32% do consumo de energia da UE em 2030 terá de provir de fontes renováveis, como o sol ou o vento.

Os países da UE terão também de garantir que pelo menos 14% dos combustíveis para os seus transportes provenham de fontes renováveis.

O deputado espanhol do grupo político S&D e relator para as energias renováveis ​​José Blanco López, afirma: “Queremos uma economia sem carbono em 2050. Este é um passo que nos permite respeitar o acordo climático de Paris, ajudar a reduzir as emissões e enfrentar os desafios da humanidade”.

A UE concordou, também, em aumentar a sua eficiência energética em 32,5% até 2030 e tornar mais fácil para as famílias o processo de produzir, armazenar e consumir a sua própria energia verde.

As novas regras devem trazer poupanças monetárias para os cidadãos e empresas, ao beneficiar com a redução das contas de energia, bem como com o meio ambiente na forma de menos emissões de dióxido de carbono (CO2).

Os eurodeputados irão votar a legislação sobre energia limpa na Sessão Plenária da próxima semana, que seguirá, depois, para o Conselho para aprovação final.

Consulte AQUI: 

DOSSIER | União da Energia

 

 

Fonte: Parlamento Europeu