A A A

07/05/2021

CE apoia Portugal na Educação Inclusiva

A Comissão Europeia (CE) está a apoiar Portugal na criação de um sistema de acompanhamento da implementação da lei sobre Educação Inclusiva, que monitorizará os "resultados da inclusão" nas escolas.

 

O anúncio foi feito pela comissária europeia para a Coesão e Reformas, Elisa Ferreira, no webinar ‘Solidariedade na União Europeia - nenhuma criança será deixada para trás’, um dia antes da Cimeira Social do Porto.

 

Através do FEDER - Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, a Comissão está "a apoiar, em Portugal, a conceção de um sistema de acompanhamento da implementação da lei da educação inclusiva, que ajudará a monitorizar os resultados da inclusão e capacitará os professores nas escolas para gerir com eficácia a diversidade nas salas de aula", apontou Elisa Ferreira.

 

O uso do FEDER servirá como "forma de ajudar as crianças e as [respetivas] famílias no acesso a serviços sociais, retirando-as da pobreza, do risco de doenças e do abandono escolar, e dando-lhes acesso à economia digital e à formação e educação para os empregos do futuro".

 

O executivo comunitário já financiou novas creches, também através do FEDER, convertendo infraestruturas pouco utilizadas em instalações pré-escolares eficazes e criando novos espaços para prestar apoio especializado às famílias em países como a Polónia, a República Checa, a Alemanha e a Hungria.

 

O mesmo Fundo apoiou ainda a Letónia e a Lituânia "na construção de espaços educacionais interativos para crianças e famílias desfavorecidas", acrescentou.

 

A comissária destacou também o Instrumento de Assistência Técnica, o programa da UE que disponibiliza conhecimentos técnicos específicos aos Estados-membros para conceber e executar reformas.

 

O apoio prestado pela Comissão aos Estados-membros em matéria de Educação Inclusiva justifica-se, segundo a comissária, por "uma preocupação particular", nomeadamente em "assegurar o bem estar das crianças e a coesão social desde a idade precoce".

 

"A coesão social e o combate à pobreza fazem parte do ADN europeu. É o que faz a Europa diferente de outras regiões no mundo e, no cerne do modelo social e das nossas políticas, precisamos de ter solidariedade intergeracional", sublinhou.

 

 

Fonte: Lusa/2021PortugalEU/Foto: Paulo Novais-Lusa

 

Tem dúvidas?
outros conteúdos
Partilhe o site PT2020
Conheça o portal do Portugal 2020! Apoiamos o seu investimento. O sucesso do Portugal 2020 é decisivo para o futuro do nosso país.
Topo