A A A

30/07/2021

Edite Godinho é a vencedora do ‘Prémio Capital Humano 2020’

Edite Godinho foi a vencedora do Prémio Capital Humano 2020 na categoria "Formação de adultos - Formandos trabalhadores-estudantes”, mais uma história inspiradora, de trabalho e perseverança, apoiada pelo PO CH - Programa operacional Capital Humano

 

​Edite deixou a escola com apenas 13 anos mas sempre quis concluir o ensino secundário. Quando teve oportunidade de abrir a sua própria escola de condução, percebeu que tinha chegado o momento de concretizar os objetivos. Queria ser instrutora de código e condução, porque tinha muito gosto pela prática da condução automóvel, mas para isso precisava de formação adequada.

 

Em 2015, já a trabalhar na sua escola de condução, nos serviços administrativos, Edite integrou um processo RVCC (reconhecimento, validação e certificação de competências), no Centro Qualifica do Agrupamento de Escolas nº 1 de Gondomar, para obter a equivalência ao 12º, que concluiu em 2016. Ter o 12º ano de escolaridade permitiu-lhe a frequência do curso de instrutora de código e condução, ao qual deu início logo de seguida e que também já terminou em janeiro de 2019.

 

Sobre o processo RVCC a Edite acredita que, para além de lhe ter aberto novas oportunidades profissionais, contribuiu muito para o seu crescimento pessoal. No futuro, encara a possibilidade de prosseguir estudos para o ensino superior uma vez que o gosto por estudar continua presente. 

 

O processo RVCC que a Edite frequentou foi apoiado pelo PO CH, através do Fundo Social Europeu (FSE).

Aos 49 anos, Edite venceu o Prémio Capital Humano 2020, na categoria de "Formação de Adultos - Formandos trabalhadores-estudantes". O seu percurso formativo e os frutos que dele resultaram para a sua carreira profissional são um exemplo de como a formação pode mudar a vida dos adultos.


 

 

Fonte: POCH

Tem dúvidas?
outros conteúdos
Partilhe o site PT2020
Conheça o portal do Portugal 2020! Apoiamos o seu investimento. O sucesso do Portugal 2020 é decisivo para o futuro do nosso país.
Topo