A A A

29/12/2020

Projeto ‘TERI’ para doentes em risco no Centro Hospitalar Cova da Beira

O Centro Hospitalar Universitário Cova da Beira (CHUCB) obteve financiamento do Programa Operacional COMPETE 2020 para desenvolver o Projeto de Telemonitorização de Doentes em Risco – TERI, num investimento que ultrapassa os 369 mil euros.

 

O projeto de Telemonitorização de Doentes em Risco -TERI do CHUCB, consiste na criação e implementação de uma solução de telemonitorização para doentes clinicamente considerados em situação de risco, quer estes se encontrem em regime de internamento ou urgência, no hospital ou em mobilidade intra e inter-hospitalar, ou ainda, em regime de hospitalização domiciliária.

 

Tem como principais objetivos, a redução dos episódios de paragem cardiorrespiratória intra-hospitalar, as complicações derivadas de atrasos nas intervenções terapêuticas, a diminuição da mortalidade intra-hospitalar e os incidentes.

 

Tal deverá ser alcançado através da monitorização constante de indicadores vitais e da implementação de sistemas de alerta inovadores em caso de descompensação, o que irá permitir tornar os processos ainda mais eficientes e a atuação das equipas mais célere e profícua, a bem da segurança e qualidade de vida destes doentes.

 

O projeto irá ainda permitir a criação de um laboratório de investigação nesta área da telemonitorização, cujos resultados podem vir a ser replicados em outras entidades do Serviço Nacional de Saúde.

 

Integrado no Sistema de Apoio à Modernização e Capacitação da Administração Pública, o projeto será cofinanciado pelo COMPETE 2020, através do FEDER - Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

 

 

Fonte: CHUCB

 

Tem dúvidas?
outros conteúdos
Partilhe o site PT2020
Conheça o portal do Portugal 2020! Apoiamos o seu investimento. O sucesso do Portugal 2020 é decisivo para o futuro do nosso país.
Topo