A A A

03/01/2020

Proteção da costa algarvia com apoio PO SEUR

Mais de 2,6 milhões de euros vão ser investidos em intervenções em cinco praias algarvias, nos concelhos de Portimão e Lagos, com o objetivo de combater a erosão e proteger a costa.

 

As obras são comparticipadas a 75% por fundos da União Europeia, através do PO SEUR - Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos.
 

No concelho de Portimão, o projeto da APA - Agência Portuguesa do Ambiente contempla o enchimento das praias do Vau, Três Castelos, Amados e Careanos com areia proveniente da praia da Rocha.

 

Esta intervenção, que tem como objetivo minimizar o risco associado às arribas, através do aumento dos areais, vai custar mais de 1,2 milhões de euros.
 

Entretanto, a Câmara de Lagos viu aprovada uma candidatura que tinha apresentado a fundos da União Europeia, através do PO SEUR, para a reabilitação e recuperação do cordão dunar da Meia Praia.

 

Está em causa uma frente de mar com cinco quilómetros de extensão, entre o sapal da ria de Alvor e a ribeira de Bensafrim. O valor total do investimento é de quase 1,4 milhões de euros.
 

O projeto inclui a construção de um passadiço de madeira sobrelevado é paralelo à linha de costa, que permitirá melhorar as condições de mobilidade pedonal e evitar que os banhistas passem por cima das dunas, preservando assim as mesmas.


Esta intervenção, que implicou a celebração de um contrato de cooperação técnica coma APA, prevê também a criação de estruturas para a retenção da areia ao longo da praia, bem como à remoção de chorões, uma espécie de planta suculenta que tem vindo a invadir aquela zona costeira.

 

 

Fonte: CM Algarve/POSEUR

Tem dúvidas?
outros conteúdos
Partilhe o site PT2020
Conheça o portal do Portugal 2020! Apoiamos o seu investimento. O sucesso do Portugal 2020 é decisivo para o futuro do nosso país.
Topo