A A A

20/12/2019

Resultados do Fundo de Solidariedade da UE no apoio aos municípios afetados por incêndios

O Governo anunciou hoje ter garantido a utilização plena de 50,6 milhões do FSUE - Fundo de Solidariedade da UE, na sessão de apresentação dos apoios deste Fundo aos municípios afetados pelos incêndios de julho a outubro de 2017, que teve lugar em Mação.

 

A cerimónia, onde participaram o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, a Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa e Sofia Colares Alves, Representante da CE em Portugal, marcou o cumprimento dos prazos para a distribuição das verbas do FSUE, garantindo, assim, a utilização plena dos destes fundos para a resposta aos incêndios.

 

No âmbito do FSUE, os municípios beneficiaram diretamente de um apoio de 33,7 milhões de euros, 95% dos quais já pagos às autarquias, destinados ao restabelecimento do funcionamento das infraestruturas e equipamentos afetados.

 

Inicialmente, o FSUE previa um apoio aos municípios de 24,1 milhões de euros, tendo-se concluído o processo com um apoio de 33,7 milhões de euros, um acréscimo de 9,6 milhões de euros que se deve à boa execução destes fundos por parte dos municípios.

 

Entre os trabalhos dos municípios apoiados pelo FSUE incluem-se a recuperação de sistemas de comunicações, de transportes (incluindo rodovia), de distribuição e abastecimento de água e águas residuais e de equipamentos urbanos, entre outros.

 

Para além dos 33,7 milhões de euros destinados aos municípios, o FSUE apoiou ainda outras entidades, como ICNF e a Proteção Civil em 16,9 milhões de euros para reposição de meios de combate aos incêndios e limpeza das áreas florestais ardidas.

 

Isto significa que Portugal utilizou na íntegra os 50,6 milhões de euros deste fundo da União Europeia, com 67% para os municípios e 33% para outras entidades.

 

As infraestruturas e equipamentos municipais afetados pelos incêndios de 2017 foram apoiados a 100 % pelo CENTRO 2020 - Programa Operacional Regional do Centro, pelo FSUE e pelo Fundo de Emergência Municipal (FEM).

 

Nos incêndios de junho de 2017, o CENTRO 2020 e o FEM apoiaram os municípios da Região Centro em 14 milhões de euros.

 

Quanto aos incêndios de julho a outubro de 2017, os prejuízos foram colmatados pelo FEM e FSUE, num total de 37,4 milhões de euros destinados aos municípios.

 

Deste modo, os municípios beneficiaram de um apoio para recuperação de infraestruturas e equipamentos municipais danificados pelos incêndios de junho a outubro de 2017 no montante global de 51,4 milhões de euros (14 milhões de euros de FEDER do Centro 2020 e FEM para danos de junho de 2017 + 37,4 milhões de euros de FSUE e FEM para danos de julho a outubro de 2017).

 

 

Fonte: Rep. CE Portugal

Tem dúvidas?
outros conteúdos
Partilhe o site PT2020
Conheça o portal do Portugal 2020! Apoiamos o seu investimento. O sucesso do Portugal 2020 é decisivo para o futuro do nosso país.
Topo