A A A

14/08/2019

Sucesso na Educação em 2019 com apoio do PO CH

Os dados divulgados no recentemente lançado Relatório da DGEEC - Educação em números Portugal - 2019 revelam que no ano letivo 2017/2018 cerca de 27 mil formandos concluíram o ensino secundário através do Ensino Profissional e nos cursos científico-humanísticos o número atingiu os 47 mil.

Destaca-se que excetuando as ofertas dos cursos Científico-Humanísticos, as restantes são apoiadas pelo PO CH – Programa Operacional Capital Humano, no âmbito do FSE - Fundo Social Europeu.

 

No início do século, os formandos que concluíram o 12º ano em Cursos Profissionais eram pouco mais de cinco mil. Destaque ainda para os quase 17 mil adultos que em 2017/2018 concluíram o ensino secundário através de cursos de Educação e Formação de Adultos (EFA) e através do Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências nos Centros Qualifica.

 

Em termos de taxa de conclusão* no Ensino Secundário verifica-se que os Cursos Tecnológicos são os que apresentam melhores resultados, com 91,2%, seguidos dos Cursos Profissionais com 77,9% e os cursos Científicos Humanísticos com 74% são os que apresentam a taxa de conclusão mais baixa.

 

O relatório da DGEEC indica ainda que a taxa de retenção e desistência no ensino secundário acontece na sua maioria no último ano do ciclo formativo (12º ano), com predominância nos cursos Científico-Humanísticos – 27,9% no ensino público e nos 13% no ensino privado. Nos Cursos Profissionais a taxa de retenção e desistência situa-se nos 25,1% no ensino público e nos 18% no ensino privado. 

 

Os Alunos matriculados no ensino secundário atinge os 401 050 em 2017/2018, menos 12 mil que no ano 2000/2001 embora durante este período tenham existindo duas trajetórias.

 

Crescente até 2008/2009, anos em se registou o maior número de matrículas com cerca de 498 mil inscritos e decrescente de então para cá.  

 

No ano letivo 2017/2018 estavam inscritos nos cursos Científico-Humanísticos 204 713 alunos, 116 722 no Ensino Profissional, 23 113 nos cursos EFA, 21 869 em Cursos de Aprendizagem e 18 998 em processo de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências.


Relativamente ao 3.º Ciclo do ensino básico, ano letivo 2017/2018, destaque para os 15 497 formandos matriculados em Cursos de Formação e Educação (CEF), para 11 512 nos cursos EFA e em processo de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências o número de matriculados atingiu os 10 132. Frequentavam o ensino regular 324 028 alunos.

 

O relatório da DGEEC mostra ainda que as mulheres predominam nos cursos Científico-Humanísticos/Gerais do Ensino Regular - 112 342 -, enquanto o sexo masculino - 85 662 - é o mais representativo no Ensino Vocacional que engloba, entre outros, o Ensino Profissional e os CEF.

 

Nota para o facto do número de mulheres inscritas no Ensino Vocacional - 60 583 – ser quase metade do que as que frequentam os cursos científico-humanísticos/gerais.

 

Consulte aqui:

 

| Educação em números Portugal - 2019

 

 

Fonte: PO CH

Tem dúvidas?
outros conteúdos
Partilhe o site PT2020
Conheça o portal do Portugal 2020! Apoiamos o seu investimento. O sucesso do Portugal 2020 é decisivo para o futuro do nosso país.
Topo