A A A

07/10/2021

“Tudo vai ser Digital” | Assista à 'Digitalização das empresas com Fundos Europeus'

Nuno Oliveira Santos, Presidente da AD&C, foi o keynote speaker da Webtalk ‘Digitalização das empresas com recurso a Fundos Europeus’ que teve lugar hoje, promovida pelo jornal ECO.

 

A transição digital é um dos pilares dos Fundos Europeus, não apenas do recém-chegado Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), mas de outros programas disponíveis para Portugal, com 650 milhões de euros destinados à Digitalização das PME.

 

Para Nuno Santos "O programa COMPETE 2020, conhecido como o programa de apoio às empresas, no novo quadro, a sua designação vai lá ter a palavra digital, o que significa que que se vai confirmar o que considero estarmos perante um quadro de aceleração". Após os anos 2000, "vários teóricos da transformação das empresas e da sociedade , disseram que tudo é digital, tudo vai ser digital".

"No PT2030 os objetivos de política que são conhecidos no enquadramento europeu, são parecidos aos que estão implícitos no PRR e portanto daí resultará o reforço do digital", referiu. 

Nuno Santos partilha ainda da convicção de que quando falamos em "fundos europeus falamos de dinheiro e que o desafio não é o dinheiro é a qualidade. O desafio é a qualidade intrínseca, qualidade organizacional, qualidade cultural. É um momento em que vamos ser colocados à prova na capacidade de nos organizarmos."

 

Além de Nuno Oliveira dos Santos, Presidente da AD&C, o debate contou com a participação de João Dias, administrador da AICEP, Pedro Cilínio, diretor da área de Capacitação Empresarial IAPMEI, e Rogério Canhoto, Chief Business Officer da PHC Software.

 

Se não teve tempo ou oportunidade, assista agora à Webtalk ‘Digitalização das empresas com recurso a Fundos Europeus’ e saiba como aproveitar os fundos europeus para digitalizar o seu negócio.

 

 

 

Fonte: ECO

 

Tem dúvidas?
outros conteúdos
Partilhe o site PT2020
Conheça o portal do Portugal 2020! Apoiamos o seu investimento. O sucesso do Portugal 2020 é decisivo para o futuro do nosso país.
Topo